CURSOS

Estratégias de gestão ambiental no século XXI

Hoje, estratégias de gestão ambiental fazem parte do ambiente de trabalho. Entenda o porquê e confira todos os detalhes!

Com o avanço do setor tecnológico e cada vez mais pessoas utilizando suas ferramentas no mundo contemporâneo, é indiscutível a sua praticidade para realizar as atividades diárias.

Com isso, muitas organizações têm desenvolvido estudos e pesquisas com objetivo de identificar potenciais melhorias e práticas de reuso, redução, reutilização e economia de materiais.

Importância da gestão ambiental no século XXI

Com o racionamento de água, ideias surgiram para intensificar o consumo consciente.  E ainda, repensar sobre a emissão de poluentes e uso de energia elétrica, responsável por toda tarefa realizada em todos os postos existentes. Em uma empresa, por exemplo, tal projeto, estruturado em Estratégias de Gestão Ambiental, utiliza-se de recursos visuais (cotidianamente), para a preservação e uso sensato de todos os recursos disponíveis.

Hoje, estratégias de gestão ambiental fazem parte do ambiente de trabalho. Temos, como exemplo, os cartazes distribuídos pelo ambiente corporativo, folders e manuais de conscientização, evidenciando a importância de se economizar água, bem como, outros recursos naturais. E certamente, o uso controlado de papel, energia, copos descartáveis, ar condicionado, etc.

Grandes empresas têm usado deste artifício, e aplicação de metas individuais/anuais para obter resultados positivos ao final do mês. Também, para encontrar-se entre as 10 empresas de maior Gestão Ambiental do país é um processo gradativo. Logo, sua imagem no mercado aumenta de valor, da mesma forma que instituições responsáveis por supervisionar tais ações. Valem-se das benfeitorias para parabenizar, reconhecer e oferecer prêmios. Assim fomentadas, muitas realizam atividades ocasionalmente, para promover seu nome e figurar como empresa sustentável.

Não obstante, muitas têm seguido pelo caminho lógico – que é o da preocupação e preservação. Todas propõem ações práticas como algo indispensável ao cotidiano dos colaboradores, e ainda, preservar o meio ambiente.

Essas empresas oferecem aos funcionários as opções de sustentabilidade coletiva, em que todo um setor faz uso reduzido de papel, por exemplo. Ademais, oferecem aos funcionários e colaboradores uma opção de descarte adequado para objetos de sua própria residência, tais como: pilhas, garrafas, celulares, monitores, e peças de computadores que não podem ser destinadas em lixo comum. Essas ações, interligadas com outras, estimulam o ciclo de aprendizado e boas atitudes em diversos ambientes, desde o lar, passando pelo trabalho até a vida social e urbana.

https://www.iped.com.br/materias/ambiental/estrategias-gestao-ambiental-seculo-xxi.html